Desfralde fácil! Em duas semanas a Mel desfraldou, quer saber como?

desfraldeO momento do desfralde… Você já começa a pensar no quanto vai economizar em fralda, no trabalho que vai deixar de ter trocando seu filho, na escolinha que ele já vai poder entrar porque lá só aceita criança sem fraldas e etc. Sei exatamente o que é isso porque acabei de passar por essa fase com a Mel. O desfralde por aqui não começou tão fácil, mas foi muito mais rápido do que eu imaginava.

Enquanto crianças bem mais novas que ela já estavam deixando as fraldas, ela com 2 anos e 4 meses sequer dizia que já tinha feito cocô ou xixi. Pelo contrário, sentia vergonha e odiava trocar a fralda. Eu já tinha desistido de tentar, ia deixar “o tempo dela”. Foi então que eu percebi que dar uma forcinha não seria nada mal, afinal algumas crianças precisam de um empurrãozinho.

Esse post foi escrito aos poucos, conforme o processo foi acontecendo. Por isso vou falar dia a dia como tudo aconteceu.

Como começou o processo do desfralde da Mel

Nos mudamos para outro estado há pouco tempo. Aqui, uma vizinha, amiga de longa data, com dois filhos, que já foi babá e hoje toma conta de algumas crianças em casa, viu minha agonia com a Mel. É que ela começou a ficar com umas bolinhas na pele bem no lugar da fralda.

Eu não sabia se era alergia à fralda nova ou brotoeja pelo calor. Só depois que fomos ao pediatra é que ele disse que era um tipo de herpes comum em criança. Mas o fato de essa vizinha tomar conta de uma menina 2 meses mais nova que a Mel que já não usava mais fralda, também me fez ver que já estava mais que na hora.

Essa vizinha, a Neide, falou: “Você vai deixar ela sem fralda durante o dia. E explicar pra ela que precisa fazer no peniquinho. Na primeira semana vai ser bem complicado, mas em um mês você já vai ter conseguido muita coisa. Tenha certeza.”

Primeiros dias do desfralde

Dia 1: Então em um domingo quando a Mel estava com 2 anos, 4 meses e 13 dias comecei. O primeiro xixi ela fez na calça, briguei bastante com ela, mostrei, disse que tinha que ser no penico, o primeiro cocô também foi em pé, ela estava de saia e fez no chão  😕 , o segundo xixi foi no sofá, briguei muito e deixei ela de castigo sentada no penico, lá eu conversei mais com ela.

Algumas pessoas podem dizer: “mas aí você vai deixá-la traumatizada com o penico.” Gente, criança não vem com manual de instruções. E o que funciona com algumas crianças, não funciona com outras. Antes de julgar, continue lendo como foi o processo.

Algumas horinhas depois, a primeira vitória. Sentei ela no penico, conversei e mandei ela fazer xixi, ela chorou, reclamou, e eu comecei a brincar falando pra ela fazer xixi e ela fez \o/\o/\o/\o/\o/

É claro que fiz a maior festa! Dei um copinho de leite que ela ama pra ela ficar feliz e se sentir recompensada. Continuei atenta porque provavelmente depois viria o cocô, mas veio mais um xixi no sofá, a tempo de não molhar por causa do edredom em cima, briguei com ela e coloquei de castigo no penico, acho que ela nem tinha terminado o xixi porque no castigo de alguns minutinhos ela fez xixi no penico de novo, mais uma festa.

Dia 2: O saldo foi nulo porque ela fez xixi duas vezes no penico e duas fora. É preciso ter muita paciência e dedicação no processo do desfralde, você precisa parar tudo o que está fazendo para levar a criança até o troninho. Teve um momento que ela falou assim: Essa não! E eu a levei pro penico, fez xixi \o/\o/\o/

desfralde

Aspecto novo do bumbum… agora sem fralda.

Pausa no desfralde

Dias 3 e 4: Projeto desfralde suspenso! Ela ficou doente, teve uma infecção e deu febre e vômito, além de umas bolinhas dentro da boca, tivemos que dar uma pausa. Foi aí que eu descobri o que eram as bolinhas no bumbum.

Dia 5: Voltando devagar, mas fez xixi no penico sem que eu forçasse nada, apenas a deixei sem fralda e ela ficou sentadinha no penico uns minutinhos e fez. Desfralde fácil se aproximando 😉

Dias 6 e 7: Sem novidades.

Segunda semana do desfralde

Dia 8: No domingo em que fez uma semana que o processo do desfralde começou, ela fez cocô a primeira vez no penico \o/\o/\o/ , mas também fez fora 🙁

Dia 9: Na segunda feira da segunda semana as coisas começaram a melhorar. Foram muito mais xixis dentro do penico do que fora.

Dia 10: Na terça-feira, nós saímos e mexeu um pouquinho com a rotina. O que foi um pouco ruim para o processo do desfralde.

Dia 11: Por causa da saída do dia anterior, na quarta feira, ela começou fazendo fora de novo. Mas fez mais dentro do que fora também. Além disso, ela está aprendendo a segurar, saímos de casa aqui para perto e ela foi sem fralda. Não fez nada na roupa por mais de uma hora, mas a noite estava assistindo desenho e não se levantou pra fazer xixi, fez na cadeira.

Fim do desfralde

Dia 12: Na quinta feira da segunda semana, ou seja, décimo segundo dia do desfralde, ela foi fazer xixi por conta própria quase todas as vezes. Apenas uma em que ela estava assistindo desenho há um bom tempo que eu dei pause e mandei ir fazer xixi, ela fez bastante. Até cocô ela foi por conta própria, fez um pouco fora e o resto dentro do penico, acredito que o número dois ela ainda está aprendendo a sentir quando vem.

Dia 13: Como no décimo segundo dia ela fez tudo direitinho. No décimo terceiro dia eu decidi colocar roupinha embaixo para que ela aprendesse a baixar a roupinha na hora de usar o penico. Acontece que pareceu que o processo começou todo do zero. Acho que ela pensou que calcinha e fralda é a mesma coisa e fez tudo na roupa 🙁

Dia 14: No décimo quarto dia, as coisas começaram a melhorar de novo. Ela passou a falar que queria fazer. Quando completou duas semanas do início do processo posso considerar que ela já tinha desfraldado durante o dia. Todas as vezes pediu para usar o penico e a única vez que ela não pediu, ela mesma foi lá e fez, só esqueceu de abaixar a roupa hahahahaha.

desfralde

Observações sobre o processo do desfralde da Mel

Li que o ideal do desfralde é no verão e super concordo porque a criança sente calor e vai querer ficar sem fralda. Com a Mel não deu pra fazer assim porque ela faz aniversário em março. Assim, quando o último verão acabou ela tinha acabado de completar 2 anos e no próximo já teria quase 3. Então, eu não quis esperar.

Agora moro no Nordeste então a maior parte do tempo, mesmo no inverno, é quente. Nos dias frios eu senti medo de deixá-la sem roupa, mas ela é calorenta e mantive a casa fechada.

Colocar o penico dela no banheiro (antes ficava no quarto dela) não causou nenhum atraso no processo. Mas ainda faltava sair de casa com ela por mais tempo e desfraldar a noite. A meta era desfraldar antes de acabar o pacote de fraldas que comprei um pouco antes de começar o processo. Posso considerar que a meta foi atingida se eu levar em consideração o desfralde apenas durante o dia. Comprei outro pacote, afinal durante a noite ela ainda faz muito.

Continue acompanhando o Doce como Mel para saber como vou fazer o desfralde da Mel durante a noite. Abaixo seguem mais alguns textos que vocês devem gostar:

Dedo ou chupeta

Desmame mais fácil

 

The following two tabs change content below.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.