Como amamentar – Amamentação Parte 2

E como prometido, hoje vou dar prosseguimento ao texto da amamentação. Muitas mulheres têm dúvidas de como amamentar, então se você não leu ainda, sugiro que comece por ele e depois leia esse. O primeiro texto é esse aqui >> Amamentação parte 1

Teve um assunto que eu deixei bem em aberto lá, e ele é como fazer para aumentar o leite? Dá para aumentar sim, e quando você vir que o bebê está ficando de barriguinha cheia e mesmo assim sobrou leite no seu peito você vai se sentir mais segura.

Mas eu vou te adiantar que excesso de leite também não é bom, e mais para frente, vou dizer por que e como amamentar melhor nesse caso. É claro que você pode (e deve) doar, caso tenha muito leite, mas em relação a amamentação do seu filho, você precisa fazer alguns ajustes.

Como amamentar – aumentando o leite

Se você acha que tem pouquinho leite, você pode estimular ainda mais o seu seio com uma bombinha, seja ela elétrica ou mecânica, a estimulação também pode ser pela ordenha manual. No texto da Amamentação parte 1, você encontra um vídeo explicando como usar a bombinha.

O procedimento é o seguinte, logo depois que o seu bebê mamar, pode ser até quando ele terminar um seio e for passar para o outro, caso ele já mame os dois seios, você usa a bombinha nesse seio que ele terminou de mamar e retire todo o leite que ficar, não deixe leite nenhum no peito. Mesmo se não tiver mais leite, deixe a bombinha um ou dois minutos.

O que acontece é que se você deixar leite no peito, seu corpo não “guarda” para a próxima mamada, ele absorve e na próxima mamada ele já vai produzir menos. Não tem nada de errado com isso, é muito normal, inclusive a mulher costuma produzir mais leite do que o bebê precisa, por questão de segurança, e com o tempo a quantidade vai se ajustando. São nesses detalhes que a gente vê como amamentar é complicado.

O bebê não mama, como amamentar?

Você tem a impressão de que o bebê só dorme? Acontece isso mesmo no início, ele dorme muito, mas um recém nascido não deve ficar mais do que três horas sem mamar, então se na hora da mamada ele estiver sonolento, se ele não tiver dormido bem, deixe-o dormir, mas se ele tiver dormido três horas seguidas, procure um jeito de acordá-lo, faça cócegas nos pezinhos, pegue nas orelhas dele, faça leves pressões sob o queixo, até ele acordar.

A mamada ideal é de no mínimo 15 minutos com o bebê mamando ativamente. Agora se o problema dele não mamar é porque ele não pega o seio corretamente, abaixo dou algumas dicas.

O bebê não pega direito o seio, como amamentar?

Talvez você precise da ajuda de alguém mais experiente. Se ainda estiver na maternidade, converse com as enfermeiras ou com o pediatra e peça ajuda. Se já estiver em casa e tiver alguma amiga ou parente que tenha tido bebê há pouco tempo e que amamente no seio, peça ajuda a ela.

Obs: A ajuda não é pedir para ela amamentar o seu filho, isso pode prejudicar ainda mais a sua amamentação, peça para ela te ensinar a fazer o bebê pegar o peito direitinho.

Se estiver sozinha, faça o seguinte, primeiro tente aproveitar a hora do choro, aquele bocão aberto e encaixe o seio, sempre tentando colocar de baixo para cima, ou seja, encoste a parte de baixo da aréola na gengiva inferior do bebê e então encaixe a aréola completa.

Se ele não estiver chorando, abra a boca dele segurando pela frente do queixo com o polegar e puxando levemente para baixo e encaixe o seio da mesma maneira que falei acima. Não se esqueça que o que ele precisa abocanhar é a aréola toda, não somente o bico.

como amamentar

Note que na imagem eu coloquei até uma setinha para te mostrar que a parte debaixo da aréola sobra menos para fora da boca da criança, porque você encaixa primeiro por baixo.

A posição para colocar o bebê depende de vocês, é a que você achar que ele pega o peito da melhor forma.

Gente, mais uma vez o post tá ficando gigante 🙁 Fiz o post Amamentação parte 3… realmente é muito assunto quando envolve a amamentação. Não deixa de entrar no site para ler sobre como amamentar corretamente. Na parte três falo sobre as dores durante a amentação e como amamentar sem sentir tanta dor, o que fazer para evitar ou diminuir isso, falei sobre o excesso de leite e porque mesmo mamando muito o bebê parece sempre faminto.

Aqui no Doce como Mel você encontra informações reais, eu relato para vocês tudo o que aconteceu comigo e procuro boas fontes para enriquecer o conhecimento e ajudar vocês nessa fase tão bom, mas tão difícil que é a maternidade.

Aqui você encontra o primeiro texto dessa série: Amamentação parte 1

E aqui você encontra o terceiro: Amamentação parte 3

Se você ainda está grávida e com esse clima frio pegou um resfriado, veja esse texto: Gripe na gravidez

 

 

The following two tabs change content below.
Mãe em tempo integral da Mel. Escrevo há dois anos sobre maternidade, cabelos cacheados, saúde, emagrecimento, turismo e tudo o que pode te ajudar a viver melhor. Sempre com informações verdadeiras e atualizadas.

Latest posts by Katy Castro (see all)

Uma ideia sobre “Como amamentar – Amamentação Parte 2

  1. Pingback: Amamentação, tudo o que não te contaram (Parte 1) - Doce como Mel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.